Cultura e gestão de equipes

Cada empresa tem suas características, peculiaridades, sua própria cultura. A cultura organizacional pode ser definida como um conjunto de hábitos, crenças e práticas disseminado por uma organização, adotado e praticado por seus participantes, que caracteriza o comportamento dos indivíduos no seu dia a dia, no contato com seus colegas, clientes, fornecedores e stakeholders.

Dessa maneira, a cultura definirá o posicionamento da organização como um todo no mercado de trabalho, o que poderá reter e atrair novos colaboradores, ou até mesmo gerar a não identificação com a cultura daquela organização.

Isso porque, ao escolher uma ou outra organização para se trabalhar levando em consideração a sua cultura, um fator que influenciará a decisão de uma pessoa é seu motivador de carreira. Ou seja, qual o propósito de vida, a recompensa financeira esperada, status, qualidade de vida, desafios, etc.

DEFININDO A CULTURA

Diante disso, muitas empresas utilizam as definições de missão e valores para comunicar e expressar características de sua cultura. Entretanto, algumas organizações definem sua missão e valores apenas para que sejam colocados na parede da empresa e seja visualizado por todos, mas, de fato, não vivenciam aquilo no dia a dia.

Por outro lado, as empresas que conseguem realmente viver sua missão e valores no comportamento diário de seus colaboradores conseguem disseminar muito mais facilmente sua cultura.

Assim, a missão é a razão de ser de uma organização. Define quem é ou quem quer ser e orienta aonde deve apontar os esforços das pessoas que ali trabalham, sendo um reflexo fiel da cultura. Os valores completam a missão, inspirando os colaboradores a alcançarem os objetivos traçados. Em síntese, a missão define a razão de ser; os valores norteiam o comportamento dos colaboradores para o alcance da missão.

Em artigo publicado na Harvard Business Review, a cultura é dividida em três níveis, segundo Edgar Schein, PhD em psicologia social:

ARTEFATOS

O nível mais externo é definido como as estruturas e processos visíveis da organização. Como por exemplo, o espaço físico da empresa, móveis, decoração, vestimenta dos colaboradores.

CRENÇAS E VALORES ADOTADOS

O segundo nível são as estratégicas e os objetivos compartilhados por um grupo, e as normas declaradas dentro da organização, criadas pelos colaboradores/dirigentes ou entre estes e seus subordinados.

PRESSUPOSTOS

São os comportamentos e crenças enraizadas na mente dos colaboradores, muitas vezes de maneira inconsciente. Formam a essência da cultura e, geralmente estão tão associados na organização que chega a ser difícil percebê-los e identificá-los. Para algumas pessoas é necessário viver um pouco na organização para entendê-los.

cultura organizacional

PAPEL DO LÍDER

Entendendo a importância que uma cultura organizacional bem definida e disseminada tem para uma organização, podemos perceber a importância do líder quanto ao seu papel de gerenciar equipes. Para que o líder consiga estruturar suas equipes, engajá-las e motivá-las, um dos principais desafios é entender a cultura da organização.

Dessa forma, antes de tudo, é preciso de o próprio líder incorpore e viva a cultura da organização. É muito mais fácil fazer com que seus liderados absorvam a cultura quando o líder vive e acredita nos valores da organização. A dedicação, engajamento e empenho de uma equipe são muito mais observados quando seus valores coincidem com os da organização, pois as pessoas são mais motivadas e engajadas quando fazem aquilo em que acreditam.

Em síntese, o papel do líder é garantir que os objetivos da organização sejam alcançados, e para isso, ele precisa de pessoas que formarão suas equipes. Assim, compreender a cultura e os valores da organização é o primeiro passo para que consiga gerir as pessoas de maneira adequada. Isso fará com que ele consiga alocar as pessoas certas, nos lugares certos, além de fazer novas contratações com pessoas que sejam alinhadas com a cultura e valores vividos na organização.

PARA SABER MAIS

Nosso texto sobre cultura e gestão chegou ao fim, mas não deixe de conferir outros materiais em nosso blog! Baixe nosso infográfico sobre as 4 atitudes dos melhores CEO’s.

Quer entender mais como melhorar o setor de gestão de pessoas e potencializar os resultados da sua equipe? Entre em contato e saiba como nossas soluções podem te ajudar!

Se inscreva em nossa newsletter ; )

Compartilhe com seus amigos

Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

The best Upgrade

Escreva para a gente

Endereço

Rua México, 31 - Centro - Rio de Janeiro - RJAv. Ibirapuera, 2033 - Andar 8 - Moema - São Paulo - SPTyrol Business Center, 800, sala 603 - Tirol - Natal - RN

Se inscreva em nossa newsletter ; )